Especialista: vias férreas da ponte da Crimeia estão sendo unidas como peças montáveis

© Sputnik / Aleksei Kudenko / Abrir o banco de imagensVista da Ponte da Crimeia através do estreito de Kerch (foto de arquivo)
Vista da Ponte da Crimeia através do estreito de Kerch (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Na Crimeia, foi iniciada construção das vias férreas. Em entrevista ao serviço da Rádio Sputnik, o diretor do grupo de especialistas "Projeto da Crimeia", Igor Ryabov, afirmou que o ritmo da construção está melhor do que planejado.

O centro de informações "Ponte da Crimeia" comunicou sobre o início da construção das vias férreas da ponte na área entre a ilha de Tuzla e o canal navegável de Kerch-Yeni-Kale.

"Sobre o mar estão sendo estendidas simultaneamente duas ferrovias, sendo que uma delas é destinada aos trens que seguem em direção à Crimeia, enquanto a outra para trens que seguem na direção oposta", afirmou Dmitry Petukhov, vice-diretor-geral desta área da construção, citado pelo centro de informações.

Cais de Lenin na cidade de Yalta, na Crimeia - Sputnik Brasil
Líder da Crimeia: península virou 'fortaleza inexpugnável' e ninguém a ameaça militarmente
Os blocos de metal são elaborados na ilha de Tuzla e transportados com ajuda de máquinas propulsoras a uns 45 mm/min de velocidade. Assim foi construída a autoestrada nas áreas marítimas. No total, planeja-se construir e montar 30 vias férreas na região. 

Uma via pesa 580 toneladas e conta com mais de 40 elementos principais, que são soldados e unidos com parafusos sólidos. Sobre o estreito de Kerch, nos 64 suportes serão instalados mais de 6 km de estruturas metálicas, que correspondem a mais de 60 mil toneladas. A construção será realizada ao longo de 2018.

Em entrevista ao serviço russo da Rádio Sputnik, o diretor do grupo de especialistas "Projeto da Crimeia", Igor Ryabov, destacou que a ferrovia está sendo construída simultaneamente com a estrada.

"No momento, a construção da estrada está sendo concluída. Como planejado, a estrada estará completamente concluída até o fim deste ano. Porém, as pessoas poderão usá-la em breve", explicou o especialista.

Ponte da Crimeia (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Ponte da Crimeia poderá resistir a terremotos fortes (VÍDEO)
"Em se tratando da ferrovia, as obras serão concluídas no fim do ano que vem. O trabalho aqui é um pouco mais complicado, embora as estruturas metálicas sejam unidas como se fossem peças montáveis", ressaltou Igor Ryabov, adicionando que o ritmo da construção está melhor do que planejado.

A ponte sobre o estreito de Kerch será a mais extensa da Rússia. O início do tráfego de carros está planejado para dezembro de 2018, de trens – para dezembro de 2019.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала