Estados Unidos designam líder do Hamas como terrorista

Nos siga noTelegram
O Departamento de Estado dos Estados Unidos anunciou nesta quarta-feira que designa o líder do Hamas, Ismail Haniyeh, como terrorista. Esse movimento pode ajudar a elevar ainda mais a tensão na região após o reconhecimento, por parte do estado americano, de Jerusalém como capital de Israel.

"Haniyeh tem vínculos estreitos com a ala militar do Hamas e tem sido um defensor da luta armada, inclusive contra civis", afirmou o Departamento de Estado em um comunicado.

"Ele teria sido envolvido em ataques terroristas contra cidadãos israelenses. O Hamas foi responsável por cerca de 17 vidas americanas mortas em ataques terroristas", completaram.

Sob o rótulo, Haniyeh não poderá visitar os Estados Unidos ou manter ativos dentro dele e os cidadãos americanos estão proibidos de fazer transações financeiras ou legais com ele.

U.S. President Donald Trump and Israel’s Prime Minister Benjamin Netanyahu shake hands as they deliver remarks before a dinner at Netanyahu’s residence in Jerusalem May 22, 2017 - Sputnik Brasil
Trump: Israel recompensará os EUA pelo reconhecimento de Jerusalém
O grupo militante Hamas, com sede em Gaza, foi oficialmente considerado uma organização terrorista pelos Estados Unidos há décadas.

"Ismail Haniyeh é o líder e o presidente do Bureau Político do Hamas, designado em 1997 como Organização Terrorista Estrangeira", afirmou o Departamento de Estado em um comunicado explicando sua decisão.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала