Novos fuzis de assalto integram equipamento do 'soldado do futuro' russo

© Sputnik / Vasily RakshaFuzis de assalto AK-15 e AK-12 do consórcio russo Kalashnikov
Fuzis de assalto AK-15 e AK-12 do consórcio russo Kalashnikov - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Ministério da Defesa da Rússia recebeu novos fuzis de assalto AK-12 e AK-15, produzidos pelo consórcio Kalashnikov, que farão parte do equipamento de combate Ratnik.

Um cadete examina o novo fuzil de assalto russo AK-12 (Consórcio Kalashnikov) - Sputnik Brasil
Kalashnikov apresenta as novas armas das Forças Armadas da Rússia (VÍDEO)
Segundo indica a diretora de comunicações da empresa russa, Sofia Ivanova, a decisão de adquirir os fuzis foi tomada na sequência dos resultados dos testes experimentais realizados em 2017, onde participaram os integrantes do Exército.

De acordo com o serviço de imprensa do consórcio russo Kalashnikov, o armamento será destinado para o Exército, Tropas Aerotransportadas e Infantaria Naval.

Além disso, os fuzis farão parte do sistema de proteção avançado de combate de infantaria conhecido como Ratnik, o equipamento do "soldado do futuro".

Maqueta do futuro equipamento de combate russo Ratnik - Sputnik Brasil
Exoesqueleto e microdrones: Rússia revela seus planos para equipamento militar Ratnik-3
O AK-12 (fuzil de assalto Kalashnikov, versão de 2012) com calibre de 5,45 mm, é a mais recente modificação na linha de fuzis AK selecionada pelo Ministério da Defesa russo como a arma principal no conjunto de combate perspectivo Ratnik. O fuzil tem melhor exatidão de fogo e propriedades ergonômicas, com capacidade de acoplamento de acessórios. Sua dioptria é dobrável e ajustável.

O AK-15, por sua vez, é uma modificação quase idêntica do AK-12 que se distingue apenas por carregar munições de calibre 7,62 mm.

De acordo com jornal militar russo Krasnaya Zvezda, o Ministério da Defesa também receberá fuzis de assalto AEK-971 e AEK-973, da antiga fábrica de armas Degtyarev.

"Os produtos da fábrica de Degtyarev têm o melhor rendimento quando disparados de uma posição instável e são recomendados para diferentes unidades de fuzis especiais", diz o comunicado do serviço de imprensa.

Ao mesmo tempo, sublinha que "a empresa Kalashnikov, considerando o critério simplicidade e fiabilidade, é a mais adequada para unidades militares e suas subunidades".

O consórcio Kalashnikov é o maior fabricante russo de uma vasta gama de armas individuais de alta precisão. A produção do consórcio é exportada para mais de 27 países. O consórcio inclui três marcas de produtos: Kalashnikov — armas de combate, Baikal — armas de caça e civis, e Izhmash — armas esportivas.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала