Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Comitê Paralímpico Internacional prorroga afastamento da Rússia

© Sputnik / Ramil Sitdikov / Abrir o banco de imagensParque Olímpico em Pyeongchang
Parque Olímpico em Pyeongchang - Sputnik Brasil
Nos siga no
O Comitê Paralímpico Internacional (CPI) não restabeleceu participação do Comitê Paralímpico Nacional da Rússia (CPR) na organização, diz-se no site oficial do órgão.

"Na segunda-feira (29), o CPI anunciou que prorroga o afastamento do Comitê Paralímpico da Rússia", comunica o site.

Mannequins dressed in the outfit designed by ZASPORT, the official clothing supplier for national athletes competing in 2018 Winter Olympics, are displayed during the uniforms presentation in Moscow, Russia January 22, 2018 - Sputnik Brasil
COI se recusa a explicar por que não convidou atletas russos 'limpos' às Olimpíadas
O Conselho do CPI tomou a decisão depois de ter recebido nova informação do grupo de trabalho para restauração do Comitê Paralímpico russo. Em janeiro, o grupo de trabalho comunicou que ainda não foram cumpridos dois critérios: plena restauração dos direitos da Agência Russa Antidoping pela Agência Mundial Antidoping (WADA, na sigla em inglês) e apresentação de uma resposta oficial que detalha as consequências do relatório de Richard McLaren.

O relatório de Richard McLaren corresponde ao documento do professor canadense dedicado à investigação dos testemunhos do ex-chefe do Laboratório Antidoping de Moscou, Grigory Rodchenkov. O relatório descreve os processos de substituição de exames "sujos" de atletas russos por "limpos" em mais de 30 modalidades nos Jogos Olímpicos do Verão e Inverno entre 2012 e 2014.

Também o Comitê internacional declarou que atletas russos poderão participar com bandeira neutra em Pyeongchang em cinco modalidades. Segundo o chefe do CPI, Andrew Parsons, o órgão admite participação somente daqueles atletas, cuja "pureza" foi comprovada.

Em agosto de 2016, o CPI afastou os atletas russos dos Jogos Paralímpicos de 2016 e privou o Comitê Paralímpico Nacional da Rússia de fazer parte da organização. Em dezembro de 2017, o órgão prorrogou o afastamento, notando que a parte russa não cumpriu todos os pontos acordados para restauração de sua participação.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала