- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Temer se solidariza com vítimas de atropelamento e pede 'investigação rigorosa'

© AP Photo / Silvia IzquierdoMultidão olhe para o local do acidente de 18 de janeiro de 2018, quando um motorista atropelou multidão na praia de Copacabana
Multidão olhe para o local do acidente de 18 de janeiro de 2018, quando um motorista atropelou multidão na praia de Copacabana - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente Michel Temer usou sua conta do Twitter nesta sexta-feira (19) para lamentar o atropelamento ocorrido na praia de Copacabana na noite de quinta-feira (18) e prestou solidariedade às famílias das vítimas.

Atropelamento em massa em Copacabana, no Rio de Janeiro, na noite de 18 de janeiro de 2018 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
'Nunca mais quero botar os pés aqui', diz esposa de vítima da tragédia em Copacabana
Temer registrou ainda que espera "apuração rigorosa dos fatos".

"Profundamente triste com a tragédia ocorrida ontem na praia de Copacabana. Minha solidariedade às famílias das vítimas, em especial os pais da pequena Maria Louise. Torço pela recuperação dos feridos e apuração rigorosa dos fatos", escreveu o presidente.

Por volta das 20h30, um carro invadiu o calçadão de Copacabana, na zona sul do Rio de Janeiro, deixando um bebê de oito meses morto e 16 pessoas feridas. 

De acordo com investigações preliminares, o motorista que dirigia o carro seria epilético e pode ter sofrido um ataque, perdendo o controle do veículo. Segundo o Departamento de Trânsito (Detran), Antonio de Almeida Anaquim estava com a habilitação suspensa desde maio de 2014.

 

 

 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала