'O contador de Auschwitz': Alemanha decide que ex-oficial nazista de 96 anos será preso

© AFP 2022 / Yad Vashem ArchivesVítimas do Holocausto marcham por uma das estreitas veredas do campo de concentração de Auschwitz (foto de arquivo)
Vítimas do Holocausto marcham por uma das estreitas veredas do campo de concentração de Auschwitz (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A corte constitucional da Alemanha decidiu que o ex-oficial nazista Oskar Groening, de 96 anos, deverá cumprir sua pena atrás das grades. Conhecido como "o contador de Auschwitz", ele era responsável por organizar o dinheiro roubado daqueles que chegavam no campo de concentração mais famoso da Segunda Guerra Mundial.

Groening foi condenado em 2015 a quatro anos de cadeia, mas disputas legais o mantiveram em liberdade deste então. 

A corte constitucional da Alemanha, a mais instância do Judiciário no país, recusou os argumentos da defesa do ex-oficial nazista de que a detenção violaria seu direito à vida, sob o argumento que a gravidade dos crimes cometidos tornava importante sua punição. 

Entrada principal do antigo campo de Auschwitz-Birkenau - Sputnik Brasil
Deputado suíço renuncia após comparar porcos com judeus enviados para Auschwitz
Para a corte, Groening foi um "acessório" no assassinato de 300 mil pessoas. 

Groening diz reconhecer sua responsabilidade moral sobre os crimes e confessa que era um nazista entusiástico quando foi enviado para trabalhar em Auschwitz em 1942, aos 21 anos.

Ele ficou conhecido 2005, quando deu entrevistas sobre suas funções no campo de concentração na tentativa de persuadir aqueles que não acreditam no Holocausto. Cerca de 6 milhões de judeus foram assassinados durante o período.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала