Coalizão liderada pelos EUA não fará operações na Síria em áreas controladas pelo governo

© AP Photo / Hassan AmmarBandeira síria esvoaçando enquanto os carros seguem por ponte durante a hora de ponta, Damasco, Síria
Bandeira síria esvoaçando enquanto os carros seguem por ponte durante a hora de ponta, Damasco, Síria - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A coalizão liderada pelos EUA tem conduzido operações na Síria sem o consentimento do governo ou um mandato da ONU.

A coalizão liderada pelos EUA anunciou nesta quarta-feira (27) que não conduzirá operações em áreas do território sírio que são controladas pelo governo. A informação foi divulgada pelo o vice-comandante da coalizão, o major-general britânico, Felix Gidney.

Posto de controle do exército governamental na Síria - Sputnik Brasil
EUA: países da coalizão não ajudarão Assad a recuperar a Síria
"Continuaremos a prevenir conflitos com os russos, mas não temos a intenção de trabalhar nas áreas agora ocupadas pelo regime", Disse Gidney em coletiva de imprensa por videoconferência de Bagdá.

As forças armadas russas e a coalizão internacional liderada pelos EUA estabeleceram canais especiais de comunicação para evitar conflitos na Síria em 2015. Os EUA e seus aliados vinham conduzindo operações na Síria contra o Daesh (Estado Islâmico) sem a permissão das autoridades do país.

Na semana passado, o representante do presidente dos EUA na coalizão internacional, Brett McGurk, havia declarado que os países da coalizão internacional liderada pelos EUA não ajudarão a recuperar as regiões sírias sob controle do governo sem que haja uma transição política no país. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала