Passaporte na mão: Arábia Saudita permitirá vistos turísticos em 2018

© REUTERS / Saudi Press Agency/HandoutO príncipe herdeiro saudita Mohammed bin Salman participa de uma reunião do gabinete em Riade.
O príncipe herdeiro saudita Mohammed bin Salman participa de uma reunião do gabinete em Riade. - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O príncipe saudita Mohammed bin Salman tem pressionado por mudanças socioculturais sem precedentes no país, e a última jogada está em sintonia com o caminho reformista em que ele embarcou.

Riad deverá começar a lançar vistos turísticos eletrônicos para "todos os nacionais cujos países permitem que seus cidadãos visitem a Arábia Saudita" no primeiro trimestre de 2018.

"Estamos agora apenas preparando os regulamentos — quem é elegível para os vistos e como obtê-los", disse o príncipe bin Salman, chefe da Comissão Saudita de Turismo e Patrimônio Nacional.

Mulheres sauditas deixam uma assembleia de voto depois de votarem nas eleições municipais, em Riade, Arábia Saudita, 12 de dezembro de 2015 - Sputnik Brasil
Mulheres na Arábia Saudita poderão dirigir motocicletas e caminhões
O custo do novo visto ainda não foi decidido, mas o príncipe deixou claro que seria "o mais baixo possível", porque o impacto econômico acumulado é maior que o dinheiro do visto".

Hoje, os cidadãos de todos os países, exceto os membros do Conselho de Cooperação do Golfo, por exemplo, Emirados Árabes Unidos, Bahrein, Kuwait e Omã, exigem um visto para visitar o reino. A Arábia Saudita é um lugar sagrado para milhões de muçulmanos que viajam para lá anualmente para a peregrinação do Hajj (e ainda exige um visto especial), mas outros visitantes enfrentam sérios desafios no caminho para o reino. Em 2013, Riad anunciou que emitiria vistos de turista pela primeira vez em sua história para estrangeiros, mas suspendeu o programa de visto limitado até que o reino melhorasse sua infraestrutura para torná-lo mais atraente para os locais antes de se tornar "amigável ao turismo".

Em 2016, o príncipe herdeiro Mohammed bin Nayef, predecessor de bin Salman, fez uma declaração sobre os planos para começar a emitir vistos de turista novamente no âmbito do projeto "Visão 2030". Até a data, os visitantes estrangeiros aparentemente são representados apenas por viajantes de negócios, peregrinos, trabalhadores e suas famílias, mas a situação está prestes a mudar com a introdução de um pedido on-line e vistos eletrônicos.

Presidente dos EUA, Donald Trump - Sputnik Brasil
'Sangue e caos': príncipe saudita chama Trump de 'oportunista' por decisão sobre Jerusalém
Tendo anunciado o projeto "Visão 2030", Mohammed bin Salman buscou tornar a vida dos sauditas mais interessante e o reino mais atraente para os estrangeiros. A visão para o futuro do país prevê uma modernização sem precedentes de várias áreas da vida. Anteriormente bin Salman falou a favor de retornar ao "Islã moderado", e a Arábia Saudita já permitiu que as mulheres dirigissem carros, organizassem uma série de shows de músicos internacionais, apresentações femininas e mistas entre gêneros, e até suspenderam uma proibição a cinemas após mais de 35 anos.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала