Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Fim de uma era: Boeing 747 realiza último voo comercial nos EUA no dia 19 de dezembro

© Sputnik / Maxim Blinov / Abrir o banco de imagensBoeing 747 (foto de arquivo)
Boeing 747 (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga no
Possivelmente o mais emblemático avião com jato de passageiros, o Boeing 747 terá em breve seu último vôo comercialmente agendado com uma companhia aérea dos EUA.

Aeroflot's Boeing 777 takes off at Sheremetyevo international airport. - Sputnik Brasil
A mais nova batalha judicial da Boeing
Introduzido pela primeira vez em 1968, o primeiro avião de passageiros jumbo do mundo foi uma maravilha tecnológica e, mais tarde, tornou-se um cavalo de guerra amado e confiável. Embora mais de 1.500 das aeronaves tenham sido construídas pela Boeing Aerospace, o último voo comercial dos EUA ocorrerá na terça-feira, 19 de dezembro, para uma viagem da Delta Air Lines entre Seul e Detroit.

Os preços das passagens aumentaram rapidamente depois que viajantes nostálgicos correram em busca da oportunidade estar a bordo do último voo comercial nesta lenda da aviação americana.

O vice-presidente de marketing da Boeing, Randy Tinseth, disse em junho que a empresa "realmente não vê muita demanda por aviões realmente grandes". A empresa, porém, não vai abandonar a produção, mas a partir de agora, o 747 servirá apenas como transportador de mercadorias para clientes selecionados que ainda precisam de algo tão grande.

Avião chinês C919 - Sputnik Brasil
China desenvolve avião para concorrer com Boeing e Airbus
O 747 foi responsável por democratizar o acesso da população americana a viagens de avião, de acordo com o historiador da Boeing, Michael Lombardi. Ele podia ser configurado para transportar até 600 passageiros, completando voos intercontinentais de longo curso com rapidez o suficiente para permitir que os viajantes visitassem lugares nunca antes pensados devido a restrições de tempo.

O enorme avião continuará em serviço para várias operadoras estrangeiras, incluindo a Lufthansa, a British Airways e a Korean Air Lines.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала