Faixa de Gaza: 260 palestinos ficaram feridos em protestos contra Israel

© REUTERS / Mussa QawasmaManifestantes palestinos entram em confronto com soldados israelenses em Hebron, na Cisjordânia
Manifestantes palestinos entram em confronto com soldados israelenses em Hebron, na Cisjordânia - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Pelo menos 263 palestinos ficaram feridos durante os confrontos na Faixa de Gaza e na margem oeste do rio Jordão com as forças de segurança israelenses, informou à Sputnik a porta-voz do Movimento do Crescente Vermelho palestino.

Confronto entre manifestantes palestinos e soldados israelenses na Cisjordânia. - Sputnik Brasil
Israel envia mais soldados para a Cisjordânia
"Os colaboradores palestinos do Crescente Vermelho realizaram atendimento de primeiros socorros a 263 palestinos na margem ocidental e em Jerusalém: 47 dos quais estavam com ferimentos de bala de borracha, 13 com ferimentos de bala comum e 177 sofriam de consequências do gás lacrimogênio", declarou a interlocutora da agência.

Em 6 de dezembro, o presidente dos EUA, Donald Trump, reconheceu Jerusalém como capital de Israel e anunciou a transferência da embaixada norte-americana de Tel Aviv. 

O movimento palestino Hamas afirmou que a decisão do líder dos EUA seria equivalente à abertura dos "portões do inferno".

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала