Mídia: Coreia do Sul pede para EUA adiar manobras militares durante Jogos Olímpicos

© AFP 2022 / Jung Yeon-JeTanques durante manobras militares entre os EUA e a Coreia do Sul (foto de arquivo)
Tanques durante manobras militares entre os EUA e a Coreia do Sul (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Coreia do Sul pediu para os EUA adiar manobras militares durante os Jogos Olímpicos de Inverno, visando diminuir a probabilidade de provocações de Pyongyang, noticia o jornal Financial Times, citando fontes.

Submarino nuclear norte-americano USS Michigan se aproximando da base naval de Busan, Coreia do Sul, 13 de outubro de 2017 - Sputnik Brasil
E se futuro dos EUA e da Coreia do Norte fosse definido nas profundezas do mar?
Os Jogos Olímpicos de Inverno de 2018 serão realizados em Pyeongchang de 9 a 25 de fevereiro.

De acordo com a edição, trata-se das manobras anuais Foal Eagle e Key Resolve, executadas de fevereiro a abril. Seul se expressou a favor de adiar as manobras até o encerramento dos Jogos Paraolímpicos, em 18 de março. Segundo opinou o jornal, Estados Unidos provavelmente vão aceitar a proposta. 

O Ministério da Defesa da Coreia do Sul afirmou que por enquanto a decisão não foi tomada. O representante do comando da Frota do Pacífico dos Estados Unidos, Dave Benham, declarou que Seul e Washington continuam "discutindo as próximas ações em relação às manobras". 

Levantamento da bandeira russa durante a Cerimônia de Encerramento dos XXII Jogos Olímpicos em Sochi - Sputnik Brasil
Mídia: Coreia do Sul quer Putin nas Olimpíadas para se blindar de ataques norte-coreanos
Quanto ao Conselho de Segurança Nacional dos EUA, ao Pentágono e à embaixada da Coreia do Sul, ainda não comentaram a situação. 

Nos últimos anos, a Coreia do Norte vem desenvolvendo mísseis balísticos e ogivas nucleares para fortalecimento de arsenal bélico, justificando suas ações através das ameaças sofridas dos EUA. As sanções, impostas pelo Conselho de Segurança da ONU, não conseguiram parar Pyongyang. A Coreia do Norte realizou seu último teste de míssil em 29 de novembro; o míssil testado é alegadamente capaz de alcançar alvos a 13 mil km. Pyongyang afirmou que agora pode realizar ataques nucleares contra qualquer ponto continental dos EUA. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала