Parodiando Trump, Macron cria fundo de US$ 35 milhões para pesquisar mudanças climáticas

© REUTERS / Kevin LamarqueO presidente norte-americano, Donald Trump, ao lado do líder francês, Emmanuel Macron, durante visita à França
O presidente norte-americano, Donald Trump, ao lado do líder francês, Emmanuel Macron, durante visita à França - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Em uma tirada com o slogan do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, o mandatário francês, Emmanuel Macron, anunciou o lançamento do programa "Torne o nosso planeta ótimo novamente" nesta segunda-feira (11).

Trump utilizou em sua campanha presidencial o lema "Faça a América ótima novamente" — Make America great again, na versão em inglês.

Enchente no estado da Virgínia Ocidental - Sputnik Brasil
Decisão de Trump sobre Acordo de Paris pode deixar Nova York embaixo d’água, diz estudo
A iniciativa de Macron concederá um financiamento de US$ 35 milhões para 50 cientistas que irão pesquisar o aquecimento global. Alguns deles são estrangeiros que aceitaram morar na França durante o projeto.

Em discurso para os primeiros 18 selecionados para o programa, Macron disse:

"Uma das nossas principais perspectivas é, obviamente, abordar os desafios atuais das mudanças climáticas."

Trump acredita que o aquecimento global é um boato e retirou Washington do Acordo de Paris, o que tornou os Estados Unidos o único país não signatário da iniciativa que busca lutar contra as mudanças climáticas. O presidente dos Estados Unidos também pretende reduzir o orçamento de iniciativas dedicadas aos estudos do aquecimento global.

O presidente republicano esteve em Paris para visita oficial em julho e, na ocasião, Macron afirmou ter tentado convencer Trump a voltar ao Acordo de Paris.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала