Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Arma suprema: EUA receiam 'dueto' de bombardeiro modernizado Tu-160M2 e mísseis Kalibr

© Sputnik / Mikhail FomichevTu-160 (Cisne branco) é um bombardeiro estratégico supersônico. Embora várias aeronaves de transporte civis e militares tenham dimensões maiores, o Tu-160 é a maior aeronave de combate, maior aeronave supersônica e maior aeronave com asas de geometria variável.
Tu-160 (Cisne branco) é um bombardeiro estratégico supersônico. Embora várias aeronaves de transporte civis e militares tenham dimensões maiores, o Tu-160 é a maior aeronave de combate, maior aeronave supersônica e maior aeronave com asas de geometria variável. - Sputnik Brasil
Nos siga no
O analista militar Dave Majumdar, do The National Interest, fala sobre as perspectivas do bombardeiro Tu-160, conhecido também como "cisne branco".

De acordo com ele, a Rússia hoje em dia conta com submarinos dotados de mísseis de cruzeiro Kalibr, que podem efetuar ataques de alta precisão a grandes distâncias. Mas a modernização da frota de bombardeiros estratégicos vai garantir à Rússia um "potencial de ataque mais flexível". 

Bombardeiros russos Tu-160 durante patrulhamento aéreo - Sputnik Brasil
Bombardeiro russo Tu-160: de 'cisne branco' a business jet
O autor lembra no seu artigo no The National Interest que o Tu-160M2 vai receber após a modernização os mísseis de cruzeiro "invisíveis" de longo alcance Raduga X-101 e X-102, que podem ser dotados de ogivas nucleares.  De acordo com o autor, a Rússia obterá assim uma arma mais precisa, diminuindo ao mesmo tempo a dependência das armas nucleares. 

O autor cita as declarações do chefe do Estado-Maior da Rússia, Valery Gerasimov, que comentou a modernização dos bombardeiros estratégicos Tu-160 e Tu-95. Segundo o general, os trabalhos estão sendo realizados conforme o planejado e, quando terminarem, estas aeronaves terão motores mais potentes, equipamento avançado e um maior alcance operacional. 

Graças a isso, de acordo com Gerasimov, o número de bombardeiros russos capazes de carregar mísseis de cruzeiro vai aumentar em 11 vezes. 

O portal norte-americano acrescenta que os EUA devem estar preparados para o surgimento dos Tu-160M2 modernizados. Segundo disse o analista militar Vasily Kashin, a Rússia entrou em um "momento decisivo", avançando na criação de armas hipersônicas, mas antes que tais armas surjam, a aviação estratégica vai desempenhar um papel-chave na estratégia de defesa russa. Com o novo Tu-160M2, a aviação russa pode se tornar a força principal, ultrapassando a Marinha, conclui a edição. 

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала