Opinião: compra de mais armamentos dos EUA pelo Japão provocará conflito nuclear

Nos siga noTelegram
Caso o exército japonês seja equipado com armas dos EUA, capazes de destruir mísseis da Coreia do Norte, isso poderá levar a um conflito nuclear, declarou à Sputnik o presidente do Comitê de Assuntos Internacionais do Senado russo, Konstantin Kosachev.

"Trump continua agindo de seu modo tradicional ao recomendar a compra japonesa de 'muito equipamento militar adicional dos Estados Unidos' para poder abater mísseis norte-coreanos […] O preço de tal acordo é um possível conflito nuclear, por isso, espero que tanto Washington quanto Tóquio entendam isso", afirmou o senador russo.

Manobras de artilharia em grande escala em homenagem do 85 ͦ aniversário do Exército Popular da Coreia do Norte - Sputnik Brasil
Senador russo: guerra contra Coreia do Norte é 'caminho muito perigoso' para Washington
Ele chamou o acordo japonês-americano para exercer máxima pressão sobre a Coreia do Norte de "ações evidentemente separadas" dos dois participantes de um mecanismo multilateral, cujo funcionamento se baseia essencialmente na identidade de posições e ações.

Por isso, Kosachev acredita que, agindo desse modo, os Estados Unidos e o Japão põem em perigo o negócio comum.

Mais cedo, o premiê japonês, Shinzo Abe, afirmou após negociações com o presidente Donald Trump que Tóquio vai interceptar e destruir mísseis norte-coreanos caso seja necessário, coordenando suas ações com os EUA. Trump, por sua vez, destacou que o Japão será capaz de abater mísseis de Pyongyang se comprar novos armamentos norte-americanos.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала