Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Guerra de narrativas: Ocidente relata êxodo, Rússia nega

© REUTERS / Khalil AshawiEdifícios destruidos em Deir ez-Zor
Edifícios destruidos em Deir ez-Zor - Sputnik Brasil
Nos siga no
A coalizão internacional, liderada pelos EUA, divulgou informações de que os sírios estariam fugindo para o norte da cidade de Deir ez-Zor, na Síria. O os militares russos revelaram à Sputnik que a coalizão não possui informações atualizadas sobre os acontecimentos na região.

Tanques sírios na área de Deir ez-Zor - Sputnik Brasil
Exército sírio começa a esmagar os restos do Daesh em Deir ez-Zor
"As pessoas estão fugindo pelo norte de Deir ez-Zor do regime e das operações com apoio russo. Há relatos de que 200 pessoas por dia estiveram fugindo para o campo Rukban IDP", informou o escritório da coalizão nesta sexta-feira.

A confusão sobre a saída dos sírios da cidade recentemente recapturada foi desencadeada pelo major-general James Jarrard, comandante da Operação da Força-Tarefa Conjunta da Operação Inherent Resolve [coalizão internacional], que alertou sobre milhares de árabes fugindo para Mayadin, no sul do país, para áreas sob controle da oposição síria.

O porta-voz do Ministério da Defesa da Rússia, o major-general Igor Konashenkov, argumentou na quinta-feira que esta afirmação foi "geograficamente absurda", porque os territórios controlados pelas forças rebeldes da Síria estariam localizadas ao norte de Deir ez-Zor. Ele acrescentou que ninguém fugiria para Raqqa, uma antiga fortaleza islâmica, depois que esta foi destruída por ataques aéreos da coalizão.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала