Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Coreia do Sul diz 'não' às armas nucleares

Nos siga no
O presidente sul-coreano anunciou que seu país não irá desenvolver armas nucleares.

Sistema de mísseis Patriot - Sputnik Brasil
'À beira da guerra nuclear': analista avalia possibilidade de ataque dos EUA a Pyongyang
O presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, declarou que seu país "não irá nem desenvolver nem possuir" armas nucleares em seu território, informa a agência Yonhap.

Dessa maneira, o mandatório sul-coreano opõe-se às acusações de que seu país permite posicionar armas tácticas estadunidenses no seu território, especialmente no âmbito das tensões que abalaram a península coreana, aumentadas depois dos últimos testes nucleares e de mísseis, realizados por Pyongyang.

"Segundo a declaração de desnuclerização anunciada conjuntamente pelo Sul e pelo Norte, a Coreia do Norte com armas nucleares não pode ser nem tolerada nem aceita", afirmou o líder sul-coreano.

Kim Han-sol é filho de Kim Jong-nam, meio irmão mais velho de Kim Jong-un e que foi morto em um aeroporto da Malásia, em fevereiro - Sputnik Brasil
Norte-coreanos são presos na China por plano para matar 'sucessor' de Kim Jong-un
"Nós também não vamos nem desenvolver nem possuir armas nucleares", sublinhou.

Seul e Pyongyang firmaram em 1992 a Declaração Conjunta sobre a Desnuclearização da Península da Coreia que proíbe, entre outros, os testes de armas nucleares, bem como posicionamento e uso delas. No entanto, até o momento a Coreia do Norte já efetuou seis testes nucleares, sendo que o realizado em 3 de setembro deste ano é considerado o mais potente de todos.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала