Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Esse avião tornará a Força Aeroespacial da Rússia ainda mais letal

Nos siga no
Uma das características mais destacadas do SR-10 são suas asas em forma de flecha invertida com ângulo de 10 graus. Por esta razão, possui uma manobrabilidade elevada, especialmente a baixa velocidade.

Aeronaves MiG-29, foto de arquivo - Sputnik Brasil
Rússia pode tornar aviação peruana uma das mais avançadas da América Latina
O avião de treinamento SR-10 tornará mais fácil para a Força Aeroespacial russa preparar pilotos com altas capacidades de pilotagem para suas aeronaves de combate, informa a revista The National Interest.

O SR-10 é um avião com motor a jato, desenvolvido pela empresa privada KB-SAT, que a partir do próximo ano começará a substituir a frota de aeronaves de treinamento Aero L-39 Albatros da era soviética.

O novo avião foi apresentado ao público em julho no salão aeroespacial MAKS-2017, que ocorreu nos arredores de Moscou. Esta pequena aeronave para dois pilotos pesa três toneladas, alcança a velocidade máxima de 800 km por hora e pode atingir 11 km de altitude máxima de voo.

Uma das características mais destacadas do SR-10 são suas asas em forma de flecha invertida com ângulo de 10 graus. Por esta razão, possui uma manobrabilidade elevada, especialmente a baixa velocidade.

Caça-bombardeiro Su-25UB antes de treinamentos especiais de voo de tripulações dos caças-bombardeiros na região de Krasnodar, Rússia - Sputnik Brasil
Assim treinam-se tripulações de caças-bombardeiros Su-25 na Rússia
De acordo com os dados obtidos pela revista, é possível que a Força Aeroespacial russa utilize o SR-10 como treinador intermédio entre os aviões de treinamento Yak-152 e o avançado Yak-130.

Além disso, a KB-SAT começou a elaborar uma versão não tripulada do SR-10, o AR-10 Argument, desenvolvido para realizar diferentes operações, desde o reconhecimento até missões de ataque. Isto demostra que Rússia está utilizando tecnologias inovadoras. Nessa conexão, é um sinal daquilo que, em breve, podemos esperar da nova Rússia, finaliza a revista.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала