EUA aumentam quantidade de seus grupos aeronavais no Pacífico para 3

© AP Photo / Vincent YuUSS Nimitz, foto de arquivo
USS Nimitz, foto de arquivo - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Os Estados Unidos deslocaram para a parte ocidental do Pacífico dois grupos aeronavais, aumentando assim a quantidade total para três.

Como informa a Frota do Pacífico dos EUA, na segunda-feira (23) na área de atuação da 7ª Frota dos EUA entrou o porta-aviões USS Theodor Roosevelt acompanhado por um cruzador e três destróieres equipados com mísseis. Na quarta-feira (25), à região chegou o grupo de porta-aviões chefiado pelo USS Nimitz. Vale lembrar que na área está posicionado de modo permanente o grupo chefiado pelo porta-aviões USS Ronald Reagan.

B-61, a bomba nuclear mais antiga no arsenal dos EUA - Sputnik Brasil
Ataque preventivo dos EUA não destruiria armas nucleares da Coreia do Norte, diz analista
Oficialmente, o objetivo destas campanhas é classificado como "operações de segurança no mar, cooperação na área de segurança e entradas em portos no âmbito da presença permanente da Marinha dos EUA no Círculo do Pacífico". A quantidade de tais operações aumentou com a chegada da nova administração norte-americana.

O reforço da presença militar norte-americana se deve à futura visita do presidente Trump aos países do Círculo do Pacífico, inclusive Coreia do Sul e China, marcada para 5-14 de novembro.

A viagem será realizada em meio à tensão crescente em torno da Coreia do Norte. Washington e Pyongyang continuam trocando ameaças, falando mesmo de ações militares.

Para além disso, atualmente as marinhas dos EUA, Japão e Coreia do Sul estão realizando manobras dedicadas a aumentar a eficácia da defesa antimíssil.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала