Exército sírio liberta cidade onde reféns cristãos foram mantidos por vários meses

© Sputnik / Valery Melnikov / Abrir o banco de imagensExército sírio, foto de arquivo
Exército sírio, foto de arquivo - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
As tropas governamentais sírias junto com as milícias efetuaram a "limpeza" dos arredores da cidade de Al-Qaryataynn, ocupados por militantes da organização terrorista Daesh (proibida na Rússia e em vários outros países) há várias semanas atrás, comunicou uma fonte da milícia.

"O exército e milícias expulsaram todos os terroristas das regiões anteriormente ocupadas perto de Al-Qaryataynn. A cidade está sob controlo total do exército sírio", afirmou a fonte.

Na sexta-feira (20), os terroristas tentaram atacar as posições das tropas governamentais na entrada da cidade. O ataque foi repelido com sucesso, porém, 3 militares morreram na sequência da explosão de um carro minado com um homem-bomba.

Combatente das Forças Democráticas da Síria (FDS) em uma rua de Tabqa, na província de Raqqa, após retomada do controle sobre a cidade então dominada pelo Daesh - Sputnik Brasil
EUA não têm estratégia em relação à Síria
Em 1 de outubro, os terroristas tentaram assaltar a cidade, mas não conseguiram. Após confrontos violentos, os terroristas foram cercados nos arredores da cidade.

Al-Qaryataynn fica na estrada nacional entre Damasco e Palmira, a 120 km da fronteira síria.

As tropas governamentais sírias, apoiadas pela Força Aeroespacial russa, libertaram Al-Qaryataynn na primavera de 2016. Os terroristas deixaram a povoação com 168 reféns cristãos, ameaçando decapitá-los caso o exército começasse a assaltar a cidade. Ao longo de 6 meses, os cristãos de Al-Qaryataynn têm sido libertados em grupos pequenos, após o que a cidade foi cercada e libertada.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала