Coalizão dos EUA confirma que Raqqa foi completamente libertada

© Sputnik / Rodi SaidMilitante das Forças Democráticas da Síria tira selfie sobre veículo militar em Raqqa
Militante das Forças Democráticas da Síria tira selfie sobre veículo militar em Raqqa - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A coalizão internacional liderada pelos Estados Unidos na Síria disse nesta sexta-feira que a cidade de Raqqa, considerada a capital do Estado Islâmico no país, já foi completamente libertada do domínio do Daesh.

Segundo representantes da coalizão, o poder da localidade será, em breve, repassado para as mãos da população síria.

Mais cedo, as Forças Democráticas da Síria, formadas principalmente por combatentes curdos, já haviam anunciado a retomada do controle de Raqqa, destacando que mais de 650 homens perderam suas vidas nesses combates, enquanto, por outro lado, 450 mil vidas foram salvas na região.

Na última quinta-feira, 19, o secretário-geral da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN), Jens Stoltenberg, já comemorava a libertação da cidade:

"Dou boas vindas à libertação de Raqqa. Eu disse a Brett McGurk [enviado dos EUA para a coalizão contra o Daesh] que a OTAN continua fortemente comprometida com a luta contra o terrorismo." 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала