Secretário-geral da ONU anuncia que visitará a República Centro-Africana

© Sputnik / Igor PatrickMonumento em homenagem aos soldados brasileiros mortos durante terremoto em Porto Príncipe, Haiti, em 2010
Monumento em homenagem aos soldados brasileiros mortos durante terremoto em Porto Príncipe, Haiti, em 2010 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, anunciou nesta quarta-feira (18) que irá visitar a República Centro-Africana na próxima semana "para homenagear as forças de paz em todo o mundo".

"Estou aqui para anunciar que vou viajar para a República Centro-Africana no início da próxima semana para passar o Dia das Nações Unidas com uma operação de manutenção da paz e para homenagear as forças de paz em todo o mundo", disse Guterres.

Boné de um pacificador das Nações Unidas no Haiti. - Sputnik Brasil
Que legados a Missão de Estabilização da ONU no Haiti deixa após seu encerramento?
O secretário-geral da ONU afirmou que os "capacetes azuis", como são conhecidas as tropas da ONU, ajudaram a estabilizar a República Centro-Africana após atrocidades terem ocorridas durante o conflito no país.

Guterres também afirmou que a ONU continuará no país a despeito dos perigos existentes. Neste ano, 12 soldados das tropas de paz morreram.

A ONU encerrou neste semana sua missão de paz no Haiti, que foi liderada pelo Brasil, após mais de 13 anos. A Sputnik Brasil esteve no país da América Central e encontrou casos de estupro cometidos pelos capacetes azuis e a participação da ONU na epidemia de cólera que deixou milhares de mortos. A cobertura pode ser acompanhada neste link

A República Centro-Africana é justamente o próximo destino mais provável das tropas brasileiras que integram a ONU. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала