Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Moscou vai dar uma dura na imprensa dos EUA na Rússia em resposta às restrições à RT

© Sputnik / Yevgeniy Biyatov / Abrir o banco de imagensredação da RT
redação da RT - Sputnik Brasil
Nos siga no
O ministério da Justiça da Rússia notificou a Rádio Liberty e mais duas redações de notícias norte-americanas em Moscou das possíveis restrições a serem adotadas no âmbito da legislação russa sobre meios de comunicação em massa.

Vista do Kremlin de Moscou - Sputnik Brasil
Kremlin não descarta medidas de resposta se EUA continuarem pressionando RT e Sputnik
"O ministério da Justiça da Rússia, em 9 de outubro de 2017, enviou uma carta para um conjunto de meios de comunicação em massa americanos, que realizam suas atividades no território da Federação da Rússia, informando sobre a inadmissibilidade da violação da legislação russa… As atividades desses meios de comunicação podem sofrer restrições, conforme a legislação vigente da Federação da Rússia", informou um comunicado do órgão.

Mais cedo, a assessoria de imprensa do ministério da Justiça divulgou uma nota, explicando que o "princípio da reciprocidade continuará a ser aplicado, considerando as medidas adotadas contra os meios de comunicação russos nos Estados Unidos da América".   

Os EUA estão obstruindo o funcionamento da emissora russa RT em seu território. Washington exige que a TV se cadastre, até o dia 17 de outubro, como uma empresa-agente estrangeira, o que submeterá as suas atividades à uma legislação específica e restritiva. Além disso, o congresso norte-americano fará uma investigação sobre a RT, o que já provocou dificuldades financeiras no grupo. Segundo a editora-chefe do canal, a RT está sofrendo pressões sem precedentes nos Estados Unidos.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала