Erdogan declara que Turquia enviará suas tropas para Idlib, na Síria

© AFP 2022 / Ozan KosePresidente turco Recep Tayyip Erdogan atende a primeira sessão de trabalho na Cúpula dos líderes do G20 em 15 de novembro de 2015, em Antalya
Presidente turco Recep Tayyip Erdogan atende a primeira sessão de trabalho na Cúpula dos líderes do G20 em 15 de novembro de 2015, em Antalya - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, declarou que os militares turcos serão instalados na cidade síria de Idlib no âmbito dos acordos de solução pacífica do conflito na Síria.

O caça Su-30SM da Força de Defesa Aeroespacial russa escolta um bombardeiro Tu-160 que disparou mísseis de cruzeiro contra os alvos do Daesh na Síria - Sputnik Brasil
Força Aeroespacial russa previne operação da Frente al-Nusra em Idlib
Erdogan sublinhou que os militares da Turquia serão deslocados em Idlib, enquanto as tropas russas ficarão fora da cidade.

"Vamos demarcar as regiões para determinar quem e onde vai deslocar observadores. Os nossos militares ficarão dentro de Idlib, as Forças Armadas russas ficarão fora dela”, disse Erdogan aos jornalistas turcos depois da sua visita oficial ao Irã, citado pelo canal de televisão NTV.

A medida faz parte do acordo de desescalada firmado com a Rússia, que visa diminuir o nível de tensões no país árabe. Idlib deve tornar-se a quarta zona de desescalada. Até agora, apenas três zonas estão funcionando: a norte da cidade de Homs, em um subúrbio de Damasco – na área de Ghouta Oriental, e também na fronteira sírio-jordaniana, na província de Daraa. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала