Após dois anos, embaixada do Qatar no Irã retoma suas atividades

© REUTERS / Thomas White/IllustrationAn Eikon ship-tracking screen shows tanker traffic around Qatar over the last seven days in this June 6, 2017
An Eikon ship-tracking screen shows tanker traffic around Qatar over the last seven days in this June 6, 2017 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O embaixador do Qatar no Irã, Ali bin Hamad Al Sulaiti, retomou suas atividades em Teerã após um hiato de quase dois anos, informou a mídia iraniana neste sábado (26).

O diplomata foi chamado de volta do Irã após multidões atacarem a embaixada do Qatar e da Arábia Saudita em resposta à execução de execução de um clérigo xiita na Arábia Saudita, em janeiro de 2016.

La embajada de Catar (imagen referencial) - Sputnik Brasil
Entenda como Qatar se encontrou no meio de um bloqueio articulado
Na quinta-feira, o Ministério das Relações Exteriores do Qatar anunciou que as relações diplomáticas com o Irã seriam retomadas e que Ali bin Hamad Al Sulaiti voltaria ao seu cargo. O anúncio ocorreu pouco depois de conversa telefônica entre os chanceleres de Irã e Qatar sobre as relações bilaterais entre os dois países. A decisão foi condenanda pelo ministro das Relações Exterior dos Emirados Árabes Unidos. 

No início de junho, Bahrein, Egito, Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos anunciaram a ruptura de suas relações diplomáticas e o fechamento das fronteiras com o Qatar, acusando Doha de apoiar organizações terroristas e desestabilizar a política no Oriente Médio. O Qatar nega as acusações. 

Confira a análise da decisão pelo analista político Hassan Hanizadeh em entrevista à Sputnik Persa.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала