Guerra na Internet: Pyongyang ridiculariza tweets 'belicosos' de Trump

© Sputnik / Ilia PitalevKim Jong-un durante parada militar dedicada ao 105 aniversário do seu avô, Kim Il-sung, Pyongyang, 15 de abril de 2017
Kim Jong-un durante parada militar dedicada ao 105 aniversário do seu avô, Kim Il-sung, Pyongyang,  15 de abril de 2017 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Coreia do Norte "começou a nos respeitar", tweetou recentemente Donald Trump. Mas Pyongyang vê as coisas de jeito diferente e não hesita em desprezar o presidente norte-americano e seus tweets "bizarros" e "egocêntricos".

Rex Tillerson, secretário de Estado dos EUA (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Washington comemora moderação da Coreia do Norte, após sanções da ONU, e vislumbra diálogo
O governo norte-coreano acusou Donald Trump de publicar "artigos bizarros induzidos por seus pensamentos egocêntricos no Twitter" e de "debitar bobagens para dar uma chance a seus assistentes", relata a agência norte-coreana KCNA.

Nota-se que Donald Trump tem repetidamente publicado tweets sobre a Coreia do Norte nos quais ele critica o seu "mau comportamento".

A Coreia do Norte acabou de lançar mais um míssil. Será que este menino não tem nada melhor para fazer na sua vida?

​Os EUA e seus aliados, nomeadamente o Japão e a Coreia do Sul, estão em alerta após o regime de Kim Jong-un ter realizado em julho dois lançamentos de mísseis balísticos intercontinentais.

A Coreia do Norte se comporta muito mal. Estiveram "jogando" com os EUA durante anos. A China pouco contribuiu para ajudar! 

​As tensões escalaram em agosto após o presidente dos EUA Donald Trump ter ameaçado a Coreia do Norte com “fogo e fúria”. O líder norte-coreano respondeu com promessas de lançar mísseis para perto do território norte-americano de Guam no Pacífico.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала