Médicos estadunidenses: agressividade de Kim Jong-un é causada por esteroides

© Sputnik / Ilia Pitalev / Abrir o banco de imagensKim Jong-un
Kim Jong-un - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Médicos norte-americanos supõem que o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, pode estar tomando esteroides que causam comportamento agressivo, comunica o portal on-line Page Six.

Cidadãos norte-coreanos estão assistindo uma transmissão de lançamento de míssil balístico pelo TV - Sputnik Brasil
Político sul-coreano quer 'inundar' Coreia do Norte com informações para derrubar regime
"A comunidade médica está discutindo amplamente a possibilidade de ele [Kim Jong-un] sofrer de gota", comunica o médico Rock Positano do Hospital de Cirurgia Especial de Nova York em entrevista aos jornalistas.

A gota é conhecida desde tempos antigos como uma doença de "epicuristas e reis", assim, uma das causas dela é a dieta desequilibrada. Para curá-la, em particular, usam remédios com base em esteroides, afirmou o médico.

"Este cara pode estar demonstrando a 'raiva de esteroides'", disse Positano, citando um fenômeno conhecido no campo da medicina que implica irritabilidade, agressividade e ataques de fúria provocados pelo uso dos esteroides anabólicos.

A situação na Península da Coreia se agravou depois da troca de afirmações ameaçadoras entre a Coreia do Norte e os EUA. A Coreia do Norte prometeu disparar mísseis balísticos contra a ilha de Guam, onde estão situadas a base aérea norte-americana de Andersen e a base naval de Apra Harbor. O presidente estadunidense Trump assegurou que, caso a Coreia do Norte prossiga com suas ameaças, a resposta dos EUA seria "fogo e fúria como o mundo nunca viu".

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала