Pelo menos 27 pessoas morreram em ataque suicida na Nigéria

© AP Photo / Lekan OyekanmiOs soldados continuam combatendo o Boko Haram.
Os soldados continuam combatendo o Boko Haram. - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Um atentado suicida a bomba provocado por uma mulher deixou pelo menos 27 pessoas mortas no nordeste da Nigéria.

O incidente ocorreu em um mercado local, na região nordeste do país. De acordo com a agência Reuters, citando fontes locais, mais de 80 pessoas ficaram feridas. 

Soldados do Exército da Nigéria - Sputnik Brasil
Comando militar da Nigéria: 'Boko Haram perdeu a guerra'
O local do atentado está localizado perto da região onde o opera o grupo Boko Haram.

Embora nenhum grupo tenha assumido a autoria dos atentados até o momento, as suspeitas recaem sobre os militantes do Boko Haram, organização extremista bastante ativa na região, onde pretende estabelecer um Estado Islâmico.

O grupo é responsável pela maioria dos atentados terroristas que ocorrem na região e atua há anos na Nigéria. Os seus militantes se posicionam contra o modelo ocidental de educação e buscam a instauração da sharia em todo o país. Os ataques terroristas são executados com regularidade em resposta às ações militares contra o grupo, realizadas pelos governos de Niger, Camarões e Chade.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала