China doa US$ 7,35 milhões em armas para Filipinas combater Daesh

© Foto / REUTERS/Romeo RanocoDuterte testa os armamentos
Duterte testa os armamentos - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
As Filipinas receberão US$ 7,35 milhões em armas e munições da China para combater o Daesh, afirmou o ministro da Defesa Delfin Lorenzana neste domingo (2).

O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, no aeroporto internacional Ninoy Aquino em 13 de dezembro - Sputnik Brasil
Após EUA enviar ajuda militar, presidente das Filipinas diz que nunca solicitou auxílio
Os armamentos chineses contribuirão com exército das Filipinas em sua luta contra os terroristas, afirmou o embaixador chinês nas Filipinas, Zhao Jianhua, na cerimônia de entrega. As doações marcam uma nova era nas relações entre as forças armadas dos dois países, disse o embaixador. 

Há, ainda, um segundo lote de assistência militar chinês previsto.

Segundo estimativas oficiais, o confronto entre Filipinas e Daesh já causou cerca de 400 mortes.

Os equipamentos foram testados pessoalmente pelo presidente Rodrigo Duterte, que expressou gratidão ao homólogo chinês Xi Jinping. Duterte classificou Pequim como "um bom amigo".

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала