Turquia explica por que proíbe deputados alemães de visitar base de Incirlik

© REUTERS / Hannibal HanschkeManifestantes com bandeiras da Alemanha e da Turquia em frente ao Reichstag. Berlim.
Manifestantes com bandeiras da Alemanha e da Turquia em frente ao Reichstag. Berlim. - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Turquia não permitirá o acesso de deputados alemães à base de Incirlik enquanto a Alemanha continuar agindo contra o país. A declaração é do ministro das Relações Exteriores turco, Mevlut Cavusoglu, nesta terça-feira (30).

Ministra da Defesa da Alemanha, Ursula von der Leyen, discursa para militares alemães na base aérea de Incirlik, na Turquia (arquivo) - Sputnik Brasil
Turquia proibiu visita de alemães a Incirlik por medo de apoio a grupo extremista
Anteriormente, às vésperas da programada viagem de deputados alemães à base de Incirlik, a Turquia informou à diplomacia alemã sobre a impossibilidade da visita

A base de Incirlik está sendo utilizada pelas forças armadas da Turquia e dos EUA, mas a Alemanha tem cerca de 260 soldados, jatos Tornado e aviões-tanque estacionados na base para participar das operações contra o Daesh (Estado Islâmico).

A Turquia acusa a Alemanha de se recusar a extraditar militares acusados por Ancara de tentativa de golpe em julho do ano passado, assim como ativistas do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), organização proibida na Turquia. 

"A Alemanha enxerga a Turquia de forma negativa. Agora ela diz: 'Nós queremos chegar em Incirlik. A Alemanha deve entender que não existe mais a Turquia da qual pode exigir o que quiser e receber o que quiser. Isto ficou no passado. Não podemos permitir a visita dos parlamentares alemães à base de Incirlik sob estas condições", disse o chanceler turco a jornalistas em Ancara.  

Ele acrescentou que a Turquia pode rever esta posição, caso a Alemanha adote medidas positivas em relação ao país.

 

 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала