Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

EUA formam nova unidade de reconhecimento na Europa

CC BY 2.0 / Exército dos EUA / Soldados dos EUA na Europa
Soldados dos EUA na Europa - Sputnik Brasil
Nos siga no
O Pentágono está formando um novo serviço de apoio técnico de reconhecimento para as forças norte-americanas destacadas nos Bálcãs e na Europa de Leste, comunicou na terça (30) a RT.

Essas unidades serão formadas na Alemanha, Itália e Kosovo. Os especialistas vão realizar as operações de reconhecimento na Polônia, Romênia, Bulgária, países do Báltico e Kosovo, comunicou a RT.

Os detalhes do contrato foram publicados recentemente no portal das obras públicas dos EUA.

Antigo presidente dos EUA Bill Clinton perto da estátua dele próprio em Pristina, Kosovo, 1 de novembro de 2009 - Sputnik Brasil
EUA e OTAN podem tirar reconhecimento internacional do Kosovo?
O novo grupo de reconhecimento vai ser posicionado também no território da base militar de Camp Bondsteel, perto da cidade de Ferizaj, no Sul do Kosovo.

Aí já existe o grupo operacional multinacional Vostok sob comando dos EUA, é uma unidade das forças internacionais da OTAN. Este serviço de reconhecimento é criado "para ampliar o espectro das operações e apoiar os grupos de proteção das forças na Alemanha e na Itália, bem como para realizar missões extraordinárias nos Bálcãs".

O objetivo desta unidade será preparar as operações do exército norte-americano na Europa na análise das informações, planejamento e organização de operações de reconhecimento, garantia da segurança, apoio técnico e manutenção de sistemas informáticos.

Este serviço de apoio vai ser associado à direção de reconhecimento do exército norte-americano na Europa com sede em Wiesbaden, Alemanha. Esta organização coordena a atividade das unidades de reconhecimento das forças norte-americanas na Alemanha, na Itália e no Kosovo. Entretanto, o concurso indica que a zona da responsabilidade deste serviço vai abranger a Europa de Leste e "outras regiões".

Avião de reconhecimento da Força Aérea dos EUA RC-135 (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Região russa de Kaliningrado atrai aviões de reconhecimento da OTAN
O contrato acrescenta que as missões do serviço sairão do quadro da contraespionagem militar. Eles vão incluir também a "luta contra o terrorismo, a análise de ameaças cibernéticas e outras atividades de reconhecimento".

No dia da publicação do contrato, o conselheiro adjunto do secretário de Estado norte-americano para a Europa e Eurásia Hoyt Brian Yee declarou que os EUA devem "acompanhar atentamente" as ações da Rússia nos Bálcãs.

A expansão do contingente militar das forças norte-americanas na Europa começou no início do ano, quando o Pentágono enviou soldados e equipamento para a Alemanha e depois os deslocou para os Países Bálticos e para a Polônia e Bulgária lançando a operação Atlantic Resolve para "conter a Rússia".

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала