Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Moody's: PIB russo crescerá 1,5% em 2017 e 2018

© Sputnik / Vladimir Trefilov / Abrir o banco de imagensNotas bancárias de 5 mil rublos
Notas bancárias de 5 mil rublos - Sputnik Brasil
Nos siga no
A agência de classificação de riscos Moody's afirmou hoje que o Produto Interno Bruto (PIB) da Rússia terá um crescimento real de 1,5% neste ano e no ano que vem, à medida que a economia do país segue se recuperando de um período de recessão provocado pela queda no preço do petróleo e pelas sanções ocidentais.

Moeda de rublo em frente ao Kremlin, em Moscou - Sputnik Brasil
Ocidente reconhece que economia russa está crescendo
"A Moody's prevê que o crescimento real do PIB será de 1,5% por ano em 2017 e 2018", diz o comunicado divulgado pelo serviço de investidores da agência

De acordo com a vice-presidente sênior da Moody's, Kristin Lindow, graças a uma gestão efetiva de micropolíticas, a Rússia conseguiu conter com sucesso o impacto das mudanças no mercado petrolífero.

A previsão é a de que o crescimento da economia russa seja liderado por ganhos domésticos, rendas reais e abrandamento da política monetária. Além disso, a taxa de déficit público em relação ao PIB terá quedas tanto em 2017 como em 2018, devido à consolidação fiscal e perspectiva de receitas maiores. A expectativa é a de que chegue a 1,8% no ano que vem, comparada a 3,7% em 2016.

Ainda de acordo com a agência, o estresse no sistema bancário ou o enfraquecimento material na capacidade do país de absorver choques poderiam colocar uma pressão negativa na classificação de crédito da Rússia, enquanto a realização de reformas adicionais que aumentem a diversidade econômica e a produtividade seria um aspecto positivo. 

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала