Pyongyang: Washington e Seul preparavam atentados contra autoridades norte-coreanas

© Sputnik / Ilia Pitalev / Abrir o banco de imagensKim Jong-un
Kim Jong-un - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Pyongyang denuncia tentativas de Washington e Seul de atentar contra autoridades norte-coreanas.

Embaixador norte-coreano na Rússia, Kim Hyung-joon, declarou que na Coreia do Norte foi identificado um grupo terrorista que estava preparando um atentado contra o líder do país, Kim Jong-un.

Cidade de Pyongyang - Sputnik Brasil
Pyongyang qualifica novas sanções dos EUA como 'crime torpe contra a humanidade'
De acordo com o canal RT, o diplomata norte-coreano afirma que o ataque estava sendo preparado por ordem dos serviços secretos dos EUA e da Coreia do Sul.

"Foi identificado um grupo de criminosos, infiltrado pela CIA e pela agência de inteligência sul-coreana, que tinha como objetivo perpetrar atos terroristas com armas biológicas e químicas contra nossos líderes", disse Kim Hyung-joon, citado pelo RT.

Como comunicou o embaixador, o grupo fora criado em 2014, os últimos preparativos foram realizados em março e abril de 2017. O diplomata destacou que os criminosos planejavam envenenar o líder norte-coreano à distância e que o efeito iria surgir seis meses depois.

O embaixador frisou que Pyongyang "eliminará sem piedade" os organizadores da tentativa de atentado contra autoridades norte-coreanas.

Ele acrescentou também que tanto os EUA, como a Coreia do Sul devem pedir desculpas e castigar os culpados.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала