Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Governo faz últimos ajustes para leitura de parecer da reforma da Previdência na Câmara

© José Cruz/Agência BrasilMinistro da Fazenda, Henrique Meirelles, participa do seminário Os caminhos para a reforma da Previdência
Ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, participa do seminário Os caminhos para a reforma da Previdência - Sputnik Brasil
Nos siga no
Semana importante para o governo Temer quanto a reforma da Previdência. Está marcada para esta terça-feira (18) a leitura do parecer sobre a reforma pelo relator, o deputado Arthur Oliveira Maia (PPS-BA). A reunião da comissão especial para discutir o parecer do relator está prevista para às 11 horas, no plenário 2, da Câmara dos Deputados.

O deputado Arthur Maia fala sobre mudanças na reforma da Previdência Social após reunião no Palácio do Planalto - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Governo Temer cede e decide flexibilizar pontos da Reforma da Previdência
Na semana passada, uma preliminar do texto foi apresentada aos líderes dos partidos da base aliada do governo, e segundo Arthur Maia as alterações feitas foram aprovadas.

Arthur Maia participou no domingo (16) da reunião do presidente Michel Temer, com lideranças dos partidos aliados e após o encontro, o relator incluiu mudanças na redação de seu texto final, além dos cinco pontos que já tiham sido apresentados, que são as regras para trabalhadores rurais; benefícios de prestação continuada; aposentadoria de professores e policiais; pensões e regras de transição.

Ao participar nesta segunda-feira (17) de um seminário em Brasília sobre "Os caminhos para a reforma da Previdência", o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles falou da importância do Congresso Nacional apressar as votações da reforma da Previdência, pois é fundamental para retomada da economia brasileira.

"Uma série de coisas que está fazendo com que o país comece a voltar a crescer, a economia dar sinais já fortes que está em trajetória de recuperação. A inflação caindo muito forte, os juros caindo. Tudo isso é resultado do Teto dos Gastos já ter sido aprovado e incorporado à Constituição e agora a reforma da Previdência está caminhando de uma forma vigorosa no Congresso Nacional e sendo amplamente discutida. Em resumo, o Brasil está discutindo esse assunto na hora certa."

Segundo Meirelles, o país não pode perder o momento de fazer as mudanças, sem enfrentar grandes dramas como no caso da Grécia, mas se as reformas não forem feias, alerta que não haverá recursos suficientes para investimentos e o desemprego vai aumentar. "A questão não é discutir eu sou a favor ou contra. Todos gostaríamos que todos tivessem o maior número possível de benefícios. O problema é que é necessário que as contas sejam sustentáveis."

Antes de fazer a leitura do relatório, o deputado Arthur Maia vai apresentar seu parecer em um café da manhã no Palácio da Alvorada para o presidente Michel Temer e deputados da base aliada do governo. 

Depois Maia vai protocolar o parecer na comissão especial e, mais tarde, fará a leitura do relatório da reforma da Previdência para os membros do colegiado.  Após ser apresentado, o relatório será discutido e votado na comissão especial. Os deputados podem, no entanto, pedir para votar em separado algumas das 130 emendas apresentadas e que não tenham sido acolhidas pelo relator. Com isso, o relatório só deve ser votado pela comissão na próxima semana. O governo espera que a flexibilização da proposta facilite a aprovação da matéria pelos parlamentares. 

 

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала