Japão pretende realizar manobras com grupo aeronaval americano

© AP Photo / Emily Wang Navios japoneses perto da ilha Senkaku (Diaoyu) no mar da China Oriental (foto de arquivo)
Navios japoneses perto da ilha Senkaku (Diaoyu) no mar da China Oriental (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Marinha japonesa planeja realizar treinamentos conjuntos com o grupo de ataque de navios dos EUA chefiado pelo porta-aviões USS Carl Vinson, informa a agência Reuters, citando duas fontes.

De acordo com fontes da Reuters, militares japoneses poderão treinar a aterrissagem de helicópteros nos convés dos navios, bem como coordenar as comunicações.

"O Japão quer enviar alguns destróires quando o Carl Vinson entrar nas águas do mar da China Oriental", declarou uma das fontes.

A Marinha japonesa não comentou esta informação.

Porta-aviões norte-americano USS Carl Vinson durante patrulha no mar do Sul da China, 3 de março de 2017 - Sputnik Brasil
Porta-aviões dos EUA se dirige inesperadamente para a costa sul-coreana
Os EUA enviaram há pouco à península da Coreia um grupo aeronaval de ataque encabeçado pelo porta-aviões USS Carl Vinson. A Coreia do Norte, tal como em muitas outras ocasiões, ameaçou Washington com um ataque nuclear.

O USS Carl Vinson é o terceiro de uma série de porta-aviões nucleares da classe Nimitz. O navio tem 332 metros de comprimento e um deslocamento de 97.000 toneladas. A tripulação, contando com o pessoal do grupo aéreo embarcado, é de 5.700 efetivos. Ele é capaz de transportar até 90 aviões e helicópteros.

Do grupo fazem também parte o cruzador Lake Champlain e os destróiers Wayne E. Meyer e Michael Murphy, equipados com sistemas antimísseis Aegis.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала