Egito anuncia estado de emergência de três meses por conta dos atentados

© REUTERS / Mohamed Abd El GhanyEgípcios se reúnem na frente de uma igreja copta em que se realizou uma explosão em Tanta, Egito, 9 de abril de 2017
Egípcios se reúnem na frente de uma igreja copta em que se realizou uma explosão em Tanta, Egito, 9 de abril de 2017 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Duplo atentado terrorista neste domingo deixou dezenas de mortos e feridos no Egito.

O presidente dos EUA, Donald Trump, aperta as mãos do presidente egípcio, Abdel Fattah al-Sisi, no escritório oval da Casa Branca em Washington. - Sputnik Brasil
Trump exorta al-Sisi a 'lidar corretamente' com repressão a terroristas no Egito
O presidente do Egito, Abdul Fatah al Sisi, declarou neste domingo (9) um estado de emergência de três meses no país. 

"Se anuncia o estado de emergência durante os próximos três meses" disse ele durante um discurso na televisão após uma reunião do Conselho de Nacional de Defesa. 

Além disso, ele anunciou a criação do Conselho Supremo para a luta contra o terrorismo. 

Neste domingo, ocorreu um duplo atentado em igrejas que deixou dezenas de mortos e feridos. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала