Todos os olhos em Júpiter: NASA publica imagens deslumbrantes do planeta gigante (FOTOS)

Nos siga noTelegram
A sonda da NASA, Juno, que custa 1 bilhão de dólares (R$ 3,124 bilhões) e realiza sua missão espacial perto de Júpiter, tem transmitido para a Terra imagens deslumbrantes do maior planeta do nosso Sistema Solar.

A sonda Juno já completou seu quinto voo e, segundo os especialistas da NASA, eles estão aprendendo cada vez mais sobre Júpiter com cada novo voo.

"Será o nosso quinto voo em torno de Júpiter durante a missão, e estamos aguardando as novas descobertas que Juno nos vai revelar", disse Scott Bolton, investigador principal do Instituto de Pesquisa do Sudoeste, localizado em San Antonio, Texas.

"Cada vez que nos aproximamos do topo das nuvens de Júpiter, recebemos novos conhecimentos que nos ajudam a entender este planeta gigante", acrescentou.

"A sonda Juno nos fornece resultados espetaculares e nos faz mudar nosso entendimento do funcionamento do planeta gigante", destacou.

Ilustração mostrando projeto de base em Marte – Mars One - Sputnik Brasil
Colonização de Marte: Cientistas revelam 3 conselhos principais para sobreviver
A sonda da NASA percorre o nosso Sistema Solar há cinco anos, tendo começado sua missão em agosto de 2011, e viajou 664 milhões de quilômetros para chegar a Júpiter em junho de 2016. No decurso do voo, a sonda esteve constantemente transmitindo fotos para a Terra.

Ela passou os primeiros dois meses após a longa viagem testando instrumentos e baixando sua órbita e transmitiu os primeiros dados científicos somente no fim de agosto.

As missões da sonda Juno são muito variadas, mas seu objetivo principal é aprender mais sobre a atmosfera, núcleo e campos magnéticos e gravitacionais de Júpiter. Até agora, Juno tem tirado fotos dos polos de Júpiter, registrando fenômenos estranhos, tais como a formação de nuvens e auroras polares no planeta gasoso.

Extraterrestres misteriosos - Sputnik Brasil
Cosmólogo britânico revela tudo sobre extraterrestres: 'Não são humanoides'
A sonda Juno foi modificada para evitar a radiação de Júpiter, que podia danificá-la, quebrando muitos de seus instrumentos altamente sensíveis dentro da sonda. Por essa razão, a órbita de Juno tem uma forma elíptica e se pode aproximar do planeta apenas até à distância de 4.160 quilômetros.

Em fevereiro de 2018, a nave espacial deverá mergulhar em Júpiter, onde a atmosfera do planeta a irá destruir, isso será realizado para prevenir a criação de lixo espacial e minimizar o risco de contaminação de uma das luas do planeta gasoso com bactérias originadas na Terra.

© NASA . Valmir MoraisImagem de Júpiter tirada pela sonda da NASA Juno e colorida por um astrônomo amador.
Imagem de Júpiter tirada pela sonda da NASA Juno e colorida por um astrônomo amador - Sputnik Brasil
1/8
Imagem de Júpiter tirada pela sonda da NASA Juno e colorida por um astrônomo amador.
© NASA . GeometricArtImagem de Júpiter tirada pela sonda Juno e aperfeiçoada por um astrônomo.
Imagem de Júpiter tirada pela sonda Juno e aperfeiçoada por um astrônomo - Sputnik Brasil
2/8
Imagem de Júpiter tirada pela sonda Juno e aperfeiçoada por um astrônomo.
© NASA . CosmEffectA imagem foi especialmente criada para mostrar os tons verdes do planeta. Mas não se preocupe, Júpiter ainda é cor de laranja.
A imagem foi especialmente criada para mostrar os tons verdes do planeta. Mas não se preocupe, Júpiter ainda é cor de laranja - Sputnik Brasil
3/8
A imagem foi especialmente criada para mostrar os tons verdes do planeta. Mas não se preocupe, Júpiter ainda é cor de laranja.
© NASA . Roman TkachenkoEssa foto de Júpiter, tirada pela sonda Juno, mostra claramente tempestades monstruosas que giram na superfície do planeta.
Essa foto de Júpiter, tirada pela sonda Juno, mostra claramente tempestades monstruosas que giram na superfície do planeta - Sputnik Brasil
4/8
Essa foto de Júpiter, tirada pela sonda Juno, mostra claramente tempestades monstruosas que giram na superfície do planeta.
© NASA . Jason MajorEsta imagem de Júpiter mostra as "tempestades de pérolas brancas na superfície de Júpiter ao sudoeste do Oval Branco".
Esta imagem de Júpiter mostra as tempestades de pérolas brancas na superfície de Júpiter ao sudoeste do Oval Branco - Sputnik Brasil
5/8
Esta imagem de Júpiter mostra as "tempestades de pérolas brancas na superfície de Júpiter ao sudoeste do Oval Branco".
© NASA . Gomi-56Uma representação artística da foto de Júpiter tirada pela sonda Juno denominada "Mãe de Pérolas".
Uma representação artística da foto de Júpiter tirada pela sonda Juno denominada Mãe de Pérolas - Sputnik Brasil
6/8
Uma representação artística da foto de Júpiter tirada pela sonda Juno denominada "Mãe de Pérolas".
© Gervasio Robles"As Seis Irmãs" é um mosaico criado em photoshop com base em fotos tiradas pela sonda da NASA durante seus três últimos voos de passagem.
As Seis Irmãs é um mosaico criado em photoshop com base em fotos tiradas pela sonda da NASA durante seus três últimos voos de passagem - Sputnik Brasil
7/8
"As Seis Irmãs" é um mosaico criado em photoshop com base em fotos tiradas pela sonda da NASA durante seus três últimos voos de passagem.
© NASA . Geoff PritchardApresentação da superfície de júpiter baseada numa foto transmitida pela sonda Juno.
Apresentação da superfície de júpiter baseada numa foto transmitida pela sonda Juno - Sputnik Brasil
8/8
Apresentação da superfície de júpiter baseada numa foto transmitida pela sonda Juno.
1/8
Imagem de Júpiter tirada pela sonda da NASA Juno e colorida por um astrônomo amador.
2/8
Imagem de Júpiter tirada pela sonda Juno e aperfeiçoada por um astrônomo.
3/8
A imagem foi especialmente criada para mostrar os tons verdes do planeta. Mas não se preocupe, Júpiter ainda é cor de laranja.
4/8
Essa foto de Júpiter, tirada pela sonda Juno, mostra claramente tempestades monstruosas que giram na superfície do planeta.
5/8
Esta imagem de Júpiter mostra as "tempestades de pérolas brancas na superfície de Júpiter ao sudoeste do Oval Branco".
6/8
Uma representação artística da foto de Júpiter tirada pela sonda Juno denominada "Mãe de Pérolas".
7/8
"As Seis Irmãs" é um mosaico criado em photoshop com base em fotos tiradas pela sonda da NASA durante seus três últimos voos de passagem.
8/8
Apresentação da superfície de júpiter baseada numa foto transmitida pela sonda Juno.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала