Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Rainha da Inglaterra cancela visita à Scotland Yard após atentado em Londres

© AFP 2021 / ANDREW WINNING / POOLElizabeth II começou a chorar durante a cerimônia em homenagem aos soldados mortos do Regimento Duque de Lancaster
Elizabeth II começou a chorar durante a cerimônia em homenagem aos soldados mortos do Regimento Duque de Lancaster - Sputnik Brasil
Nos siga no
A rainha Elizabeth II cancelou uma visita à Scotland Yard após o atentado desta quarta-feira em Londres. O atentado provocou a morte de cinco pessoas, incluindo do agressor, e feriu pelo menos outras 40 pessoas, informou um porta-voz do Palácio de Buckingham.

Agentes dos serviços de emergências ajudam no socorro às vítimas do ataque na ponte de Westminster, em Londres - Sputnik Brasil
Número de mortos em ataque na capital britânica sobe para cinco
"À luz dos acontecimentos de hoje, foi tomada a decisão de adiar o compromisso de amanhã da Rainha na New Scotland Yard”, disse o porta-voz, citado pela Royal Central, nesta quarta-feira, acrescentando que “a visita será reagendada para uma data posterior.

Na quarta-feira, um agressor, cuja identidade ainda não foi revelada pela polícia, atirou em várias pessoas, enquanto dirigia pela ponte de Westminster. O agressor, em seguida, tentou entrar no parlamento, armado com uma faca. Depois de apunhalar um policial, cuja morte foi confirmada mais tarde, o atacante foi baleado.

Na quinta-feira, a rainha iria inaugurar a nova sede da polícia em Londres, localizada nos arredores do local do atentado.

A primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, confirmou que os ataques de quarta-feira em Londres foram realizados por um único indivíduo. Ela enfatizou que a localização do ato terrorista não foi acidental e disse que o nível de ameaça no Reino Unido continua severo.

Agentes de polícia armados guardam a zona onde aconteceu um tiroteio, perto do parlamento do Reino Unido em 22 de março de 2017 - Sputnik Brasil
Atentado em Londres impede advogados de Lula de fazer denúncia no Parlamento britânico
Segundo o Comissário Adjunto da Polícia Metropolitana, Mark Rowley, o ato terrorista de quarta-feira resultou na morte de cinco pessoas, incluindo o agressor, que poderia ter se inspirado em atos do terrorismo internacional. Pelo menos 40 pessoas ficaram feridas, incluindo três policiais, dois dos quais estão em estado grave.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала