Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Itália quer ver a Rússia no G8 já no ano que vem

© AP Photo / Sergey PonomarevO emblema do G8
O emblema do G8 - Sputnik Brasil
Nos siga no
Roma espera que Moscou volte ao formato do G8 no próximo ano, o que dependerá da implementação dos acordos de Minsk, disse o ministro de Relações Exteriores italiano, Angelino Alfano, a jornalistas em Washington nesta terça-feira.

Líderes do G8: a chanceler alemã Angela Merkel, presidente russo Vladimir Putin, primeiro-ministro britânico David Cameron e presdiente norte-americano Barack Obama depois da cúpula do grupo em Lough Erne, Irlanda do Norte, 18 de junho de 2014 - Sputnik Brasil
Kremlin: Rússia está menos interessada no G8 do que antes
A próxima cúpula do G7 acontecerá na Sicília, Itália, de 26 a 27 de maio.

"Para superar as sanções, precisamos implementar o acordo de Minsk, e precisamos fazer qualquer esforço para implementar este acordo. Espero que o G7 em Taormina seja o último G7 e o próximo [seja] o G8", afirmou Alfano.

A adesão de Moscou ao grupo das principais economias transformou o G7 no Grupo dos Oito (G8), o Grupo dos Oito (G8).

Em 2014, os membros do G8 se recusaram a comparecer à cidade de Sochi, no sudoeste do país, sede da cúpula regular do G8, citando desacordos sobre a crise ucraniana e se reunindo no formato de sete estados desde então.

O ministro russo das Relações Exteriores, Sergei Lavrov, disse repetidamente que Moscou não pretende tomar medidas para voltar ao grupo do G8. Em janeiro, Peskov disse que a questão da restauração do formato G8 com a participação da Rússia não está em discussão em Moscou e a Rússia prioriza o trabalho no formato G20.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала