Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Poroshenko reconhece que Ucrânia perdeu toda a influência sobre Donbass

© AP Photo / Matthias Balk Presidente ucraniano, Pyotr Poroshenko, na Conferência de Segurança em Munique, Alemanha, 17 de fevereiro de 2017
Presidente ucraniano, Pyotr Poroshenko, na Conferência de Segurança em Munique, Alemanha, 17 de fevereiro de 2017 - Sputnik Brasil
Nos siga no
Presidente ucraniano, Pyotr Poroshenko, declarou que, em resultado do bloqueio de Donbass organizada pelos radicais, a Ucrânia perdeu completamente sua influência sobre este território.

"Em resultado do bloqueio, a Ucrânia perdeu sua última esfera de influência sobre este território", disse Poroshenko discursando no Conselho de Segurança Regional em Kiev.

Segundo ele, "devido ao bloqueio, a Ucrânia perdeu influência sobre seus próprios territórios".

"Foram simultaneamente afetados os setores energético, metalúrgico e o orçamento", destacou o presidente ucraniano.

Radicais ucranianos, participantes do bloqueio, na estação de Krivoy Torets, na região de Donetsk, 27 de fevereiro de 2017 - Sputnik Brasil
Opinião: Bloqueio de Donbass acabou com ideia da reunificação da Ucrânia
"Os organizadores do bloqueio enganaram a sociedade, pois isto não era um bloqueio das áreas de Donetsk e Lugansk, que bloqueio é esse, quando há um buraco na fronteira, inclusive com a Federação da Rússia de centenas de quilômetros? Na verdade, foi uma operação especial destinada a empurrar as áreas do Donbass ucraniano para a Rússia", destacou Poroshenko.

Ele declarou que os organizadores do bloqueio devem estar preparados para assumir responsabilidade pelas suas ações.

Anteriormente, o Concelho de Segurança Nacional da Ucrânia havia deliberado suspender o transporte de mercadorias com os territórios não controlados por Kiev. O governo ucraniano explicou que esse passo é necessário para "proteger os interesses nacionais da Ucrânia devido ao agravamento da situação na zona de conflito". O premiê francês, Jean-Marc Ayrault, e representantes do Departamento de Estado dos EUA se manifestaram a favor do levantamento de bloqueio de Donbass o mais rápido possível.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала