Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Turquia prende mais de 700 pessoas em operações contra militantes curdos

Nos siga no
As autoridades turcas detiveram 740 pessoas por suspeita de ligação com o Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) nos últimos três dias, segundo informou a mídia estatal do país neste sábado (18).

Curdos com bandeiras do PKK em Istambul, Turquia - Sputnik Brasil
Forças turcas matam militantes do PKK no sudeste do país
Segundo fontes do Ministério do Interior citadas pela agência estatal Anadolu, as autoridades realizaram 36 operações durante este período de três dias, apreendendo equipamentos, documentos e mais de uma dúzia de armas. 

O PKK, que busca a autonomia do povo curdo na Turquia, é considerado uma organização terrorista por Ancara, Washington e Bruxelas. 

O grupo pegou em armas contra o governo pela primeira vez em 1984. Desde então, mais de 40.000 pessoas, a maioria deles curdos, foram mortos em confrontos com as forças estatais. 

O sudeste da Turquia, de maioria curda, passa atualmente por um fase combates renovados, especialmente após o colapso, em 2015, de um cessar-fogo de dois anos e meio entre o governo e o PKK.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала