Fonte militar: 'Implantação do THAAD não tem nada a ver com a situação política atual'

© AP Photo / Forças dos EUA, CoreiaCaminhões dos EUA encarregam elementos do sistema THAAD
Caminhões dos EUA encarregam elementos do sistema THAAD - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Casa Branca anunciou "o deslocamento do sistema THAAD" após em 6 de março Pyongyang ter efetuado um lançamento de mísseis em direção ao mar do Japão.

O avião norte-americano transportando elementos do sistema THAAD chegou para a Coreia do Sul na noite de 6 de março, independentemente da declaração da Casa Branca, o que mostra que o fornecimento do sistema THAAD segue o plano das instituições militares da Coreia do Sul e dos EUA e não depende dos lançamentos de Pyongyang.

"Na noite de 6 de março os elementos do THAAD chegaram à base militar em Osan, na província de Gyeonggi-do e isso não está ligado com a recente declaração da Casa Branca e constitui apenas uma etapa do deslocamento dos sistemas antimísseis, aprovado pela Coreia do Sul e os EUA", comunicou um representante das forças dos EUA na Coreia do Sul em entrevista telefônica à Sputnik Coreia

O sistema estadunidense da defesa antimíssil THAAD - Sputnik Brasil
China se prepara para responder ao deslocamento do sistema THAAD na Coreia do Sul
Respondendo à questão sobre os equipamentos, o lugar de seu armazenamento e os prazos do seu transporte para o destino final, o representante não esclareceu nenhuma informação. 

"Os sistemas do THAAD são transportados para a Coreia do Sul separadamente, agora chegou só a primeira parte e nada mais", esclareceu ele, adiantando que não pode dizer mais nada além de que os equipamentos "chegaram a Osan na noite passada". 

O representante frisou também que não vê ligação entre a chegada do sistema THAAD e a declaração da Casa Branca e que o fornecimento é realizado de acordo com os acordos atingidos em julho do ano passado.

"O fornecimento do THAAD não tem nada a ver com a situação política atual, é parte do plano anteriormente acordado. Nem a Casa Branca, nem a administração do presidente da Coreia do Sul têm a ver com isso", finalizou o representante. 

É evidente que, se os elementos do THAAD vieram da parte continental dos EUA, eles foram enviados para Osan antes da Casa Branca o ter informado. Mas também não se pode excluir que os equipamentos tenham vindo de outras bases americanas situadas perto da península Coreana.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала