Hackers russos outra vez: Twitter faz piada sobre confusão no Oscar

© REUTERS / Lucy Nicholson89th Academy Awards - Oscars Awards Show - Hollywood, California, U.S. - 26/02/17 - Writer and Director Barry Jenkins of "Moonlight" holds up the Best Picture Oscar in front of host Jimmy Kimmel (rear) as he stands with Producer Adele Romanski (R).
89th Academy Awards - Oscars Awards Show - Hollywood, California, U.S. - 26/02/17 - Writer and Director Barry Jenkins of Moonlight holds up the Best Picture Oscar in front of host Jimmy Kimmel (rear) as he stands with Producer Adele Romanski (R). - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Quando se pensava que o tema estava se tornando cansativo, as mídias sociais voltaram a culpar os russos pela confusão na cerimônia no Oscar.

A confusão quanto ao vencedor de Melhor Filme na cerimônia de premiação da Academia de 2017 é sem dúvida o evento mais embaraçoso fracasso na história do popular programa de TV. Até mesmo a embaixada russa no Canadá não conseguiu abster-se de comentar sobre a embaraçosa situação tweetando: "Por incrível que pareça, os russos ou os hackers russos não são culpados pela confusão nos Oscars. #Oscars #EscândaloDoEnvelope".

O âncor que causou a confusão, Jimmy Kimmel, com o envelope correto com Moonlight como filme melhor - Sputnik Brasil
Confuso: 'La La Land' recebe Oscar e… acaba por perder (VÍDEO)
Mas eles não poderiam estar mais errados.

Na verdade, a mídia social explodiu com tweets irônicos e posts revelando a verdadeira razão escondida para a confusão: os hackers assustadores e o cérebro sinistro do presidente russo Vladimir Putin.

​When you find out #Russianhackers created #OscarGate #Oscars pic.twitter.com/WLEyId3KKj

​Alguns usuários foram mais longe, ressaltando as semelhanças entre a cerimônia do Oscar e as eleições presidenciais nos EUA, cujos resultados surpreendentes também foram atribuídos aos hackers russos.

​La La Land claramente ganhou o voto popular, mas Moonlight ganhou o Colégio Eleitoral e levou [o prêmio de] #Melhor Filme

A confusão evocou memórias de um erro semelhante no concurso Miss Universo de 2015. Na ocasião, o apresentador Steve Harvey erroneamente nomeou a vice-campeã, Miss Colômbia, Ariadna Gutiérrez, como a vencedora. Poucos minutos depois de ter sido coroada, Harvey anunciou que tinha lido os resultados incorretamente e que Miss Filipinas, Pia Alonso Wurtzbach, era na verdade a nova Miss Universo.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала