Chefe da defesa antiaérea do Daesh morre em ataque aéreo em Mossul

© REUTERS / Air JalalFumaça na cidade de Mossul, Iraque (foto de arquivo)
Fumaça na cidade de Mossul, Iraque (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Um ataque aéreo da coalizão liderada pelos EUA contra o Daesh (autodenominado Estado Islâmico) em Mossul, no Iraque, matou Abdula Sulyiamani al-Jaburi, responsável pela defesa antiaérea do grupo terrorista, segundo disse nesta quarta-feira (22) o porta-voz da Operação Resolução Inerente, coronel John Dorrian.

"A morte dele vai degradar a capacidade do Daesh de defender o controle extremista de Mossul dos ataques aéreos persistentes da coalizão contra seus líderes", disse Dorrian.

Exército iraquiano nos arredores de Mossul - Sputnik Brasil
Daesh foge do exército iraquiano que está libertando Mossul ocidental
O ataque de precisão da coalizão que matou al-Jaburi foi conduzido em 4 de janeiro, segundo o porta-voz.

Outro ataque, realizado em 12 de janeiro, eliminou o líder Daesh Abu Abas al-Kiriashi, que coordenava o movimento de dispositivos explosivos improvisados e homens-bomba no Iraque. Quase uma dúzia de seus associados também foram mortos, observou Dorrian.

Outro líder do Daesh, Haqi Ismail Ahmed al-Emri, foi morto em um ataque em Mossul em 13 de fevereiro.

"Ele [al-Emri] é um membro legado da Al-Qaeda no Iraque e teve um papel de liderança nas redes de segurança do ISIS [Daesh] em Mossul, afrouxando ainda mais o controle do ISIS sobre a população da cidade", disse Dorrian.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала