Opinião: a OTAN já era

© AFP 2022 / MAXIM AVDEYEVBandeira da OTAN é queimada durante protestos na Rússia
Bandeira da OTAN é queimada durante protestos na Rússia - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A falta de engajamento dos EUA com a OTAN minará a aliança militar e possivelmente significará seu fim, disse o ex-secretário-geral do bloco, Anders Fogh Rasmussen, à Sputnik no sábado.

Militares tchecos do batalhão aéreo antes dos exercícios da OTAN, República Tcheca, abril de 2015 - Sputnik Brasil
Por que países-membros da OTAN não terão que cumprir ultimato de Washington?
"É claro que se Trump reduzir seu engajamento com a Otan, isso seria perigoso, minaria a credibilidade de nossa aliança. Se os Estados Unidos não cumprirem seu compromisso, a OTAN estará morta e, por isso, eles não farão isso", disse Rasmussen durante a Conferência de Segurança de Munique.

O ex-chefe da OTAN afirmou que Washington é único membro da aliança a possuir forças militares suficientes para assegurar a execução das políticas da OTAN.

Em seu discurso em Munique, o vice-presidente dos Estados Unidos, Michael Pence, reiterou o compromisso inabalável dos EUA com a aliança. O discurso veio a aliviar as tensões, depois do candidato republicano Donald Trump classificar a OTAN de obsoleta e exigir maiores contribuições financeiras dos parceiros europeus.

Pence, entretanto, reiterou a exigência de Trump de que as nações da UE cumpram seu compromisso de contribuir com 2% de seu produto interno bruto para a defesa.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала