EUA deslocarão armas estratégicas para Coreia do Sul

Nos siga noTelegram
Os EUA e a Coreia do Sul concordaram em transferir armas estratégicas norte-americanas para exercícios militares conjuntos Key Resolve e Foal Eagle previstos para março deste ano, informou a agência Yonhap, citando o Ministério da Defesa sul-coreano.

"Como no ano passado, acordamos com os Estados Unidos o número de armas estratégicas para demonstrar a decisão da aliança Coreia do Sul-EUA de se defender da Coreia do Norte, através dos exercícios militares Key Resolve e Foal Eagle", citou Yonhap um relatório do departamento militar sul-coreano.

Míssil de Ataque Marítimo é lançado a partir do navio militar norte-americano USS Coronado (LCS-4), Califórnia, EUA, setembro de 2014 (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Pentágono 'adotará medidas necessárias' em resposta ao teste de míssil norte-coreano
Segundo informou uma fonte competente, se trata do transporte para a Coreia do Sul de caças "invisíveis" F-22 e de um porta-aviões nuclear das Forças Armadas dos EUA.

O relatório foi apresentado à Assembleia Nacional da República da Coreia, após o 12 de fevereiro a Coreia do Norte realizar um teste de míssil balístico Pukguksong-2.

Em 2016, a Coreia do Norte lançou mais de 20 mísseis balísticos, incluindo mísseis Musudan de alcance intermédio e fez o lançamento simultâneo de três projéteis Rodong com alcance de 1.300 km que atingiram o mar na zona econômica exclusiva do Japão, perto de Hokkaido.

Em 2016, dos exercícios militares conjuntos dos EUA e Coreia do Sul participaram 300.000 militares sul-coreanos, assim como 17.000 norte-americanos.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала