Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Conselho de Segurança da ONU promete 'medidas significativas' contra Coreia do Norte

© AP Photo / Frank Franklin IIConselho de Segurança da ONU
Conselho de Segurança da ONU - Sputnik Brasil
Nos siga no
Após reunião de emergência convocada mais cedo devido ao lançamento de mísseis norte-coreanos em direção ao Japão, o Conselho de Segurança da ONU divulgou comunicado em que condena "fortemente" o teste balístico da Coreia do Norte e alerta para "possíveis medidas significativas" caso Pyongyang não interrompa seus testes nucleares e balísticos.

A reunião foi convocada pelo Japão, Coreia do Sul e Estados Unidos.

Sul-coreanos vêem programa de televisão que mostra lançamento de míssil realizado pela Coreia do Norte, Seul, Coreia do Sul, 4 de março de 2016 - Sputnik Brasil
Resposta firme: Coreia do Sul pode vir a testar seus mísseis balísticos
O comunicado diz ainda que as atividades norte-coreanas para desenvolver sistemas capazes de carregar armas nucleares violam as resoluções e elevam as tensões mundiais. O Conselho pediu a todos os membros da ONU que implemente as seis sanções adotadas desde 2006 pelo órgão.

As reações dentro do órgão, porém, não são uníssonas ao menos entre os membros permanentes. Destacando que a reunião era uma "iniciativa importante", o chefe do Comitê internacional do Conselho da Federação Russa, Konstantin Kosachev, defendeu cautela ao tomar sanções, já que ainda não há consenso sobre o tipo de míssil testado e dos resultados do teste.

Já o Departamento da Defesa dos Estados Unidos foi mais duro nas declarações. O porta-voz da entidade, Jeff Davis, classificou o teste como "uma clara e grave ameaça à nossa segurança nacional" e prometeu "dissuadir e liquidar as ameaças aos nossos territórios e os dos nossos aliados".

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала