Em conversa telefônica com Xi Jinping, Trump concorda em seguir princípio da 'China única'

© AP Photo / Evan VucciPresidente eleito dos EUA, Donald Trump, ao telefone, em visita a uma empresa de call center de Asheville, Carolina do Norte, durante campanha
Presidente eleito dos EUA, Donald Trump, ao telefone, em visita a uma empresa de call center de Asheville, Carolina do Norte, durante campanha - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Os dois presidentes falaram pela primeira vez desde que o republicano assumiu o comando da Casa Branca. Segundo comunicado divulgado pelos EUA, Trump amenizou o tom de rixa com a China.

"O Presidente Donald J. Trump e o Presidente Xi Jinping da China tiveram uma longa conversa telefônica na noite de quinta-feira. Os dois líderes discutiram vários tópicos e o Presidente Trump concordou, a pedido do Presidente Xi, em honrar nossa política de" uma China", diz a declaração.

Tomada de posse do presidente eleito dos EUA, Donald Trump, em Washington - Sputnik Brasil
Trump pode descartar acusações contra China sobre manipulação monetária
De acordo com a Casa Branca, a conversa telefônica foi "extremamente cordial" e Trump e o líder chinês trocaram convites para se reunirem em seus respectivos países.

Anteriormente, Trump criticou a China por suas práticas comerciais "injustas" e ameaçou impor uma alta tarifa geral aos produtos chineses. No entanto, em janeiro, o Ministério do Comércio chinês disse que a China queria promover relações comerciais "estáveis e saudáveis" com a administração americana.

Trump também disse em uma entrevista em janeiro com The Wall Street Journal que a política da 'China única' sobre Taiwan estava em negociação. Os Estados Unidos, além de vários outros países, não reconhecem Taiwan como uma nação soberana, mas manteve relações informais com a ilha depois de romper as relações diplomáticas com ela em 1979.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала