Irã lança mais um teste de mísseis balísticos

© AP Photo / Fars News Agency, Omid VahabzadehNesta foto obtida da agência iraniana de notícias Fars, um míssil balístico de superfície a superfície Qadr H é disparado pela poderosa Guarda Revolucionária do Irã, durante uma manobra, em um local não revelado no Irã, na quarta-feira, 9 de março de 2016
Nesta foto obtida da agência iraniana de notícias Fars, um míssil balístico de superfície a superfície Qadr H é disparado pela poderosa Guarda Revolucionária do Irã, durante uma manobra, em um local não revelado no Irã, na quarta-feira, 9 de março de 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A quarta-feira serviu como uma nova oportunidade para o Irã flexionar seu arsenal de mísseis. Os militares iranianos usaram a mesma plataforma de lançamento de Semnan para disparar o míssil de janeiro, informou a Fox News World.

Irã teste míssil de médio alcance S-200 na costa do golfo Pérsico - Sputnik Brasil
Atividade nuclear do Irã não viola leis internacionais, mas em que resultará?
Os militares iranianos testaram um míssil de curto alcance Mersad, de acordo com a fonte de notícias.

O míssil caiu a 35 milhas de distância de onde foi lançado, uma autoridade dos EUA disse à Fox.

O teste pode ser uma resposta ao presidente Donald Trump, que há alguns dias aprovou novas sanções a entidades relacionadas ao programa de mísseis balísticos iraniano. Além disso, veículos de imprensa relataram mais cedo que Trump estaria considerando classificar o Corpo de Guardas Revolucionários Islâmicos do Irã como um grupo terrorista.

ALERTA NOTICIOSO: Autoridades dos EUA: Irã lança outro míssil de base de lançamento onde conduziu testes balísticos no mês passado. #ReportagemEspecial

​Imagens de satélite mostram que o Irã pretendia usar a base de lançamento para enviar um satélite ao espaço em cima de um foguete Safir, mas o envio foi aparentemente cancelado. Segundo o Zero Hedge, as razões para o país ter abortado a manobra ainda não estão claras.

De acordo com Michael Flynn, conselheiro de Segurança Nacional da Casa Branca, a época em que Washington "fez vista grossa" para as "ações hostis e beligerantes do Irã acabaram".

O Departamento de Defesa dos EUA se recusou a comentar quando a RIA Novosti perguntou à pasta sobre os testes de mísseis do Irã. "Não temos mais informações", disse o porta-voz do Pentágono, Christopher Sherwood.

A Fox News e Zero Hedge publicaram os relatórios. Até agora, o funcionário que repassou a informação à Fox News é a única fonte a ter falado sobre os testes.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала