'Não esperamos milagres', diz representante russo na ONU

© AP Photo / Bebeto MatthewsEmbaixador da Rússia na ONU, Vitaly Churkin, dá voto de veto no Conselho de Segurança
Embaixador da Rússia na ONU, Vitaly Churkin, dá voto de veto no Conselho de Segurança - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O representante permanente da Rússia na ONU, Vitaly Churkin, ao comentar as perspectivas das relações entre Moscou e Washington, declarou que a Rússia não "espera milagres" e que "é preciso ter paciência e trabalhar".

Chefe da empresa ExxonMobil, Rex Tillerson, durante o encontro com o então primeiro-ministro (agora presidente) da Rússia, Vladimir Putin, na residëncia em Novo-Ogarevo, abril de 2012 - Sputnik Brasil
Senador russo: Rússia tem que dar um passo em direção aos EUA
"Não esperamos milagres. A equipe deles ainda precisa se formar. A indicação (para um posto) é só um pequeno passo. Precisamos ter paciência e trabalhar", afirmou Churkin em entrevista à emissora RT.

No final de janeiro, os presidentes da Rússia e dos EUA, Vladimir Putin e Donald Trump, realizaram uma primeira conversa telefônica desde a posse do líder norte-americano.

Os dois discutiram um amplo espectro de problemas internacionais e bilaterais, e demonstraram "disposição para um trabalho ativo em conjunto para estabilizar e desenvolver uma cooperação sobre uma base construtiva, igualitária e mutualmente vantajosa".

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала