Putin: Reunião de Astana reconhece impossibilidade de solução militar para crise síria

© Sputnik / Mikhail Klimentiev / Abrir o banco de imagensPresidente russo, Vladimir Putin, durante discurso na celebração tradicional no Kremlin
Presidente russo, Vladimir Putin, durante discurso na celebração tradicional no Kremlin - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente da Rússia, Vladimir Putin, observou a importância dos participantes das negociações de paz em Astana terem reconhecido a impossibilidade de solucionar a crise síria através da via militar.

Oficiais do Cazaquistão durante últimos preparativos das negociações - Sputnik Brasil
As primeiras negociações entre oposição e governo sírio começam em Astana
"Considero muito importante observar que os participantes do processo em Astana fixaram a impossibilidade de resolver os problemas sírios através da via militar", declarou Putin em reunião com o rei da Jordânia, Abdullah II. 

"E nós esperamos muito que as negociações em Astana serão uma boa base para a continuação dessas negociações também em Genebra", acrescentou o presidente russo. 

As negociações de paz sobre a Síria foram realizadas em 23 e 24 de janeiro. Na condição de mediadores do processo de paz, Rússia, Turquia e Irã acordaram em criar um mecanismo trilateral para respeitar o regime de cessar-fogo na Síria. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала